Distanciamento social nos municípios do RN continua baixo

Constituído por uma equipe de 13 pesquisadores da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Universidade de Pernambuco (UPE), Institut Curie da França e outras instituições do Brasil e do exterior, o projeto isola.ai (@isola_ai) busca soluções interdisciplinares para a pandemia por COVID-19 utilizando técnicas de Ciência dos Dados e Inteligência Artificial. Formada por uma equipe multidisciplinar, a iniciativa volta-se para a produção de conhecimento acadêmico e também de instrumentos analíticos e de monitoramento da adesão às medidas de distanciamento social para gestores públicos.

A Figura 1 apresenta, para o período de 01 de fev. até a última quarta-feira (27/05), a evolução do indicador de isolamento social da startup In Loco para alguns dos municípios do RN de maior porte populacional. Os municípios que já se encontram bastante afetados pela COVID-19 tendem a respeitar mais o isolamento: Natal, Mossoró e Parnamirim. Ontem, 28/05, o isolamento social em Natal foi de 43%, Mossoró 42% e Parnamirim 41%, valores muito abaixo do nível de isolamento social desejável de 70%.

Entre os municípios analisados, Santa Cruz, Currais Novos, Pau dos Ferros e Caicó vêm apresentando ao longo do tempo níveis ainda mais baixos de distanciamento social. Caicó que decretou hoje lockdown por 7 dias, registrou ontem, 28/05, um índice de isolamento social de apenas 35%. Para essa mesma data, o índice que mede o percentual de pessoas que permaneceram em suas casas foi de 34% para Santa Cruz, 36% para Currais Novos e de 39% para Pau dos Ferros.

Figura 1

A Figura 2 apresenta o ranking dos municípios com maior nível de distanciamento social por mesorregião referente ao dia 27 de maio. No Agreste Potiguar se destacou o município de Poço Branco (50%), na Central Potiguar o município de Galinhos (50%), Pureza (47%) no Leste Potiguar e Olhos D’agua do Borges (52%) na mesorregião do Oeste Potiguar.

Figura 2

Também por mesorregião para o dia 27 de maio, a Figura 3 apresenta o ranking dos municípios com menor nível de distanciamento social segundo dados da In Loco: Jandaíra (30%) no Agreste Potiguar, Caiçara do Norte (26%) na Central Potiguar, Baía Formosa e Montanhas, ambas com 33%, no Leste Potiguar, e São Francisco do Oeste (27%) no Oeste Potiguar.

Figura 3

A Figura 4 apresenta o índice de isolamento social de todos os municípios do RN de 16/05 a 27/05. Quanto mais intensa a cor vermelha, pior o nível de isolamento social do referido município. Conforme se verifica, há uma grande heterogeneidade no estado quanto à prática do distanciamento social segundo esse indicador, e há o predomínio de intensidades mais fortes de vermelho em praticamente todos os dias, indicando que o isolamento social precisa ser mais respeitado pela população. A data em que os potiguares mais ficaram em casa foi o dia 24/05, um domingo de bastante chuva em todo o estado, quando foi alcançado um índice de 53%. Naquela ocasião, o  RN se situou na 13ª posição no ranking estadual de isolamento.

Figura 4

A Figura 5 mostra a tendência dos bairros da capital potiguar do dia 22 de maio ao dia 26 de maio. Também no dia 24/05, dia bastante chuvoso na capital, predominaram cores mais claras no mapa, indicando maior adesão ao distanciamento social. Na média da cidade, o índice de isolamento foi de 57%, um dos maiores valores alcançados desde o início da pandemia. Analisando as tendências dos outros dias, a Zona Sul de Natal tende a apresentar maiores valores de isolamento social do que regiões como a Oeste. Sobretudo nos dias da semana, a Zona Norte se destaca também por apresentar cores mais fortes, indicando menor percentual de pessoas que permaneceram em suas casas em dias úteis. Segundo dados do Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde da UFRN (LAIS) os bairros de Potengi,Nossa Senhora da Apresentação e Pajuçara, todos localizados na Zona Norte de Natal reúnem a maior parcela de casos confirmados da COVID-19 naquele município (16,2%). 

Figura 5

Essas desigualdades internas entre bairros quanto ao distanciamento social pode ser um reflexo das desigualdades de condições socioeconômicas. Na Zona Norte e na Zona Oeste se concentram a população mais vulnerável, e isso pode ser um fator que mantenha essa população sob uma rotina de trabalho, principalmente, similar ao que ela apresentava antes da pandemia por COVID-19. Nos últimos três dias, Natal apresentou índices de isolamento social iguais a 43% (26/05), 42% (27/05) e 43% (28/05), ou seja, bem distante da meta de 70%.

@isola_ai: soluções interdisciplinares para a pandemia por COVID-19

Confira essa e outras análises demográficas também no ONAS-Covid19 [Observatório do Nordeste para Análise Sociodemográfica da Covid-19] https://demografiaufrn.net/onas-covid19

3 comentários sobre “Distanciamento social nos municípios do RN continua baixo

  1. […] Constituído por uma equipe de 13 pesquisadores da UFRN, da Universidade de Pernambuco (UPE), do Instituto Curie (França) e outras instituições do Brasil e do exterior, o projeto Isola.ai busca soluções interdisciplinares para a pandemia utilizando técnicas de Ciência dos Dados e Inteligência Artificial. As avaliações publicadas também podem ser conferidas no site do Observatório do Nordeste para Análise Sociodemográfica da Covid-19 (ONAS-Covid19). […]

    Curtir

  2. […] Constituído por uma equipe de 13 pesquisadores da UFRN, da Universidade de Pernambuco (UPE), do Instituto Curie (França) e outras instituições do Brasil e do exterior, o projeto Isola.ai busca soluções interdisciplinares para a pandemia utilizando técnicas de Ciência dos Dados e Inteligência Artificial. As avaliações publicadas também podem ser conferidas no site do Observatório do Nordeste para Análise Sociodemográfica da Covid-19 (ONAS-Covid19). […]

    Curtir

  3. […] Constituído por uma equipe de 13 pesquisadores da UFRN, da Universidade de Pernambuco (UPE), do Instituto Curie (França) e outras instituições do Brasil e do exterior, o projeto Isola.ai busca soluções interdisciplinares para a pandemia utilizando técnicas de Ciência dos Dados e Inteligência Artificial. As avaliações publicadas também podem ser conferidas no site do Observatório do Nordeste para Análise Sociodemográfica da Covid-19 (ONAS-Covid19). […]

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s